PROGRAMA DE EMBAIXADORES 2020

SOBRE O PROGRAMA

O Programa de Embaixadores da Brazil Conference at Harvard & MIT tem o objetivo de encorajar jovens brasileiros a desempenharem papel ativo e transformador frente à realidade brasileira, de envolver alunos de graduação no Brasil nos debates da Conferência e de criar lideranças jovens que instigarão mudanças concretas no Brasil.

FINALISTAS 2020

Confira no link abaixo a lista de finalistas da Brazil Conference 2020!

EMBAIXADORES 2019

Confira abaixo os 10 candidatos selecionados para Brazil Conference at Harvard & MIT 2019

NORTE

Carlla Martins é estudante de Engenharia da Computação na Universidade Federal do Amazonas. Apaixonada por olimpíadas científicas, aos 16 anos acabou fundando com amigos um projeto social com o objetivo de preparar alunos de escolas públicas para a Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA). Criado em 2015, o "Projeto Cosmos" já impactou diversos alunos e recebeu prêmios nacionais de reconhecimento. Envolvida em outras iniciativas de impacto social, ela sonha e luta por um Brasil com uma educação pública de qualidade, equidade de gênero e com soluções sustentáveis para o desenvolvimento econômico.

Jackson Viana tem 18 anos, nasceu na cidade de Rio Branco, no Acre, e, aos 12 anos, publicou seu primeiro livro. Aos 14, idealizou e fundou a Academia Juvenil Acreana de Letras (AJAL), instituição de cultura voltada a jovens escritores do Acre, da qual é o Presidente. Premiado com o 1° lugar no estado no 43° Concurso de Redação dos Correios, 2° lugar no Prêmio Flor do Ipê da Universidade Federal de Goiás (UFG), 2° lugar no Prêmio Moutonnée de Poesia da Prefeitura de Salto/SP, é autor de três livros já lançados, entre outras obras e antologias em que possui participação. Escreve artigos para o jornal Folha do Acre e é estudante de Direito na Universidade Federal do Acre (UFAC).

NORDESTE

Aniele Berenguer, soteropolitana, estudante de psicologia da UFBA, membra do núcleo de estudos e pesquisa em raça, gênero e saúde (NEGRAS) que atua desenvolvendo cine-debates e intervenções dentro e fora do ambiente acadêmico e desenvolvendo uma pesquisa que avalia    processo de implantação da Política Nacional de Saúde Integral da População Negra (PNSIPN). Também participa do Comucidade, projeto de formação e práticas em Psicologia Comunitária Latinoamericana, que atua na perspectiva de mediação de relações e alargamento de referências por meio da arte, criação e cuidado em saúde. Luta por uma sociedade menos desigual e mais antirracista.

Francisco Cavalcante é aluno de Direito da UERN, fez ensino técnico em Eletromecânica pelo IFCE, foi pesquisador do PIBIC/CNPq e bolsista no Tribunal de Justiça do Ceará. Dentre suas iniciativas, destacam-se um projeto escolar que ressignificou o caráter educacional do Programa Bolsa Família em seu estado e a criação do site Jaguaribara em Foco, a primeira plataforma local de noticias que discute problemáticas de seu município. Atualmente ele desenvolve projetos sobre políticas públicas, objetivando promover o protagonismo juvenil e a transformação socioeducacional em sua região.

CENTRO-OESTE

Eros Frederico é ex-aluno do IFMS-CB e atualmente é acadêmico de Direito da UFMS em Corumbá/MS. É apaixonado por ciência, e como pode utilizá-la como instrumento de mudança. Participa de diversos projetos de divulgação científica, como a FETEC-MS e ODS: Educação, Cidadania e Tecnologia. Também desenvolve pesquisa sob a perspectiva do Direito e as Políticas Públicas, em que analisa os níveis de associação de determinados institutos jurídicos frente a indicadores como IDH e Mapa da Violência.

Marina Martinho já atuou em diversos projetos sociais e voluntariados, dentre eles como embaixadora e mentora do Movimento Choice, sendo destaque nacional em 2016, mentora do Projeto Passei, embaixadora do Projeto EduLivre e membro na área de OGE e OC ER na AIESEC Cuiabá. Além disso, Co-Founder da Startup Rent4work, bolsista no Escritório de Inovação e Tecnologia da UFMT e estagiária na Defensoria Pública de Mato Grosso. Atualmente, é gestora de recursos humanos do Cursinho Popular MEDacesso, faz parte da equipe de Assessoria Jurídica da Secretaria de Saúde Da Prefeitura de Várzea Grande e cursa Direito da UFMT.

SUDESTE

Daniel Heringer é ex-aluno do COLUNI - UFV e atualmente é estudante de medicina da USP de Ribeirão Preto. É presidente do projeto Passei, iniciativa social que capacita vestibulandos em habilidades socioemocionais e gera recursos para universitários em vulnerabilidade social. É também o fundador da Kanun, rede de líderes estudantes de medicina comprometidos em se capacitar para transformar a saúde brasileira por meio da Ciência, Liderança, Inovação e Colaboração.

Mariana Zanholo cursou Ensino Médio Técnico. Atualmente é bolsista do Insper, onde estuda Administração. Representou o Brasil na Quanta, olimpíada de conhecimentos que ocorre em Lucknow, Índia. Após essa experiência transformadora, co-criou o We-Sci, projeto que visa diminuir a disparidade de como a educação é vista e aplicada ao redor do mundo. O projeto foi premiado pelo Ondas, fórum científico na Colômbia e pelo VaiTec, iniciativa da prefeitura de São Paulo. Com a ação social sempre presente em sua vida, voluntariou na Fundação Ronald McDonald da Colômbia e no Cursinho Popular da sua faculdade.

SUL

Lucas Gremaschi, nascido e criado no interior do Paraná, é estudante do quinto ano de Medicina na Universidade Estadual de Maringá – UEM, onde é membro do Centro Acadêmico de Medicina de Maringá (CAMEM) desde 2017 e filiado ao comitê local da UEM da IFMSA-Brazil desde 2016. Foi diretor de Educação Médica do comitê em 2017 e presidente local do comitê em 2018. Lucas também foi bolsista PIBIC/CNPq no Laboratório Segundo Cérebro da Universidade Estadual de Maringá e monitor voluntário do Museu Dinâmico Interdisciplinar da UEM.

Natália Cecília é alagoana, atualmente cursa Relações Internacionais na UFSC. Poliglota e multi-instrumentista, trabalhou como professora de música clássica em projetos sociais voltados para crianças e idosos. Também é bolsista Pibic/CNPq em uma pesquisa voltada para Diplomacia Científica. Ela acredita que é vital criar novos mecanismos e internacionalizar as universidades brasileiras, buscando a excelência e maior produção científica, para que o Brasil consiga seu primeiro Nobel.

EMBAIXADORES 2018

Abaixo você conhece um pouco mais dos cinco escolhidos para a edição da Brazil Conference at Harvard & MIT 2018 e os centros regionais que eles realizaram em seus estados. Clique em cada região para saber mais!

APOIO

 
 
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon
  • White LinkedIn Icon
  • White Twitter Icon

© 2019 BRAZIL CONFERENCE AT HARVARD & MIT